Vamos falar a respeito do Desenvolvimento do Pensar no 3º ano de vida.

Antes de começarmos a abordar nosso tema principal deste vídeo, queremos convidar vocês a recapitular os dois primeiros anos de vida, pois são os dois primeiros anos que estruturam o pensamento da criança.

Assista AQUI o Desenvolvimento do Andar no 1a ano
Assista AQUI o Desenvolvimento do Falar no 2a ano

Aquisição da Estrutura

A criança chega no mundo e ela apreende o mundo através dos seus sentidos, da motricidade e do desenvolvimento do andar. O que vai estruturando também as sinapses no seu cérebro.

Ela vai adquirindo estrutura para o aprendizado da linguagem para o falar, que acontece no segundo ano de vida. Assim sendo, a criança começa a falar por imitação e depois ela começa a formar próprias frases, começa a estruturar a linguagem e aprendizado da língua materna.

O aprendizado por imitação

Portanto, o andar e o falar são estruturantes para o desenvolvimento do pensamento. Podemos perceber com muita clareza que uma criança começou a andar, porque vemos a criança andando. Também conseguimos perceber que a criança começou a falar, porque escutamos criança falando. Mas como a gente percebe que a criança está começando a estruturar os próprios pensamentos?
Porque como todo o aprendizado no começo da vida se dá por imitação,a criança vai começar a imitar os pensamentos dos adultos que estão em torno dela e com o tempo a começamos a perceber que ela mesma está estruturando os seus pensamentos. Que é quando ela começa a estruturar relações entre as coisas: daquilo que ela fala, do que ela apreende do mundo.

Como a criança forma a sua estrutura de pensamento

Então, por exemplo, a criança vê u filhote, primeiro ela fala:
– Um gatinho! O gatinho é marrom! O gatinho está sozinho! Mas a criança sente falta da mãe do gatinho, ela percebe e pensa: ele é um filhote, ele está sozinho, cadê a mãe do gatinho? Percebe que tem uma relação entre fatos? Então ela relaciona o fato do gato estar sozinho e ser um filhote, como ela, e se pergunta: – onde está a mãe do gatinho?

Neste exemplo, tem uma estrutura de pensamento que foi ela mesma que fez. Não foi mamãe que perguntou: onde está a mamãe do gatinho? Se a criança repetir a mamãe dela, ela está imitando o pensamento da mãe. Mas se ela, por conta própria, relacionou o gatinho com a ausência da mãe é o pensamento dela se desenvolvendo. Esse pensamento vai amadurecer e se estruturar ao longo de toda a primeira infância. São muitas as fases do desenvolvimento, da maturação. Tanto da motricidade quanto da linguagem e do pensar. Mas é nesses três primeiros anos que adquirimos as estruturas fundamentais para o aprendizado de toda a vida.

Para um mundo melhor

É muito importante que compreendamos, porque é fundamental que saibamos cuidar e acolher as crianças de forma saudável porque assim, certamente, também estamos construindo um futuro com adultos saudáveis e podemos talvez pensar em construirmos juntos um mundo mais saudável para todos nós a partir do cuidado com essa primeiríssima infância: os Três primeiros anos da criança.

Na próximo vídeo da série vamos falar do desenvolvimento da imaginação, da importância da imaginação para aprendizagem do mundo e de si da criança pequena.

Continue nos acompanhando!

Mariene Perobelli é mãe, atriz e trabalha com formação de professores e ela também é pesquisadora do desenvolvimento da criança. Ela está aqui no Instituto a Aripe, tecendo essa série o Desenvolvimento Saudável da Criança na Primeira Infância.

Conversando com Casais em Crise

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

CONTATO

Para nós é importante saber como você está se sentindo com as informações que estamos compartilhando. Você pode mandar uma mensagem falando de que forma esse conteúdo lhe tocou.

Enviando

©2018 Instituto Aripe - pós Parto e Puerpério Desenvolvido por V12 Brasil Marketing Digital

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?